sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Adoração Infantil! O animal mais engraçado


Baseado na criação em Gênesis 1:25-27
(Leve gravura de macaco ou um macaco de pelúcia)
A história de hoje é sobre um macaquinho da espécie mico-leao-dourado. Perguntem às crinças que nome vocês colocariam no macaco. Ele é todo de cor dourada, só o focinho e seus olhos são negros. É bem pequenino, e mede 60 cm (mostrar com as mãos) da cabeça à cauda e essa cauda é maior que seu corpo.
Ele é mui gracioso e pula de um galho para o outro . Vive com sua família que são seis macacos numa mesma árvore.
Ele se segura no galho pelos pés, pelas mão ou pela cauda e fica se balançandpo de um lado para o outro, pois gosta muito de brincar!
Esse macaco brinca, pula, salta nos galhos e corre pelo gramado e coça sua barriga e sua cabeça durante o dia todo. No final do dia ele se encosta à árvore ou procura um emaranhado de flores chamadas bromélias e dorme entre elas!
Ele gosta muito de comer e aprecia frutas silvestres . Qualquer fruta desde amoras até bananas!
O macaco foi criado por Jesus no sexto dia da criaças, mas ele ainda não havia recebido um nome. Antes de terminar o sexto dia da criação, Jesus tomou barro e criou um ser como não havia feito nenhum até aquele momento. Ele era perfeito! Porém, o mais incrível aconteceu quando Jesus soprou no nariz daquele ser e ele se levantou e começou a andar e a falar! Era um homem de verdade e Deus lhe deu o nome de Adão.
O macaco viu quando Jesus deu a ordem a todos os animais desfilarem diante de Adão, para que ele desse nome e também cuidasse de cada um dos animais.
Quando um animal passava por Adão, ele lhe dava um nome. Foi Adão quem disse que o lobo deveria se chamar lobo; que a girafa deveria se chamar girafa; que o leão se chamasse leão e que o elefante se chamasse elefante, etc.
Quando chegou a vez do macaco, ele viu Adão dizendo:
“esse é um macaquinho, mas tem a cara de leão, com juba e tudo. Vou chamá-lo de mico-leão.”
Hoje crianças, existem poucos micos-leões porque muita gente tem caçado esse animalzinho esperto e inteligente. Mas Jesus que mandou que Adão cuidasse dos animais e lhes desse um nome, espera que vocês também tratem bem a todos os animaizinhos, porque são obras da criação de Deus, inclusive os macaquinhos.
Vamos orar para que sempre tenhamos um coração bondoso para com todas as criaturas de Deus!





segunda-feira, 23 de novembro de 2009

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

SÁBADO!!

Adoração Infantil! Quem dá alimento as aves?



Baseado em Mateus 6:26
(Leve a figura de um beija-flor e um bebedouro de aves, explique para que serve e desafie as crianças a terem um desses em casa para que vejam essa pequena ave mais de perto.)
Colorido é um lindo pássaro beija-flor, bem pequenino: ele mede só 6cm (mostrar o tamanho com um pedaço de fita colorida), por isso é um dos maiores que existem da espécie.
Podemos chamá-lo de Colorido. Eles recebeu este nome porque suas penas têm as cores: lilás, roxo, branco e preto, mas em volta de seu pescoço branco , ele tem um círculo lilás e verde. Colorido e os demais beija-flores tem asas de cor cintilante .
Ainda está escuro, mas da árvore onde ele vive, a cada manhã ele desperta com o canto de algumas outras aves, que anunciam que o dia já está chegando.
Ao amanhecer todas as aves cantam e o Colorido canta junto. Depois ele sai voando em busca de seu alimento preferido: néctar das flores.
Ele voa muito rápido, mas tão rápido que chega a bater as asas de 70 a 80 vezes por segundo. Tentemos imitar o bater de suas asas...
Colorido voa tão rápido que consegue ficar parado no ar; algo que só os beija-flores conseguem fazer. E ele faz mais ainda, voa para trás.
Como Colorido tem olhos aguçados, pode enxergar as flores de onde ele tira o néctar e pode, ainda à distância, sentir seu perfume.
Ao chegar diante de uma flor, Colorido coloca seu bico dentro da flor e com a língua em forma de garfo de dois dentes apenas, retira o gostoso e docinho néctar da flor.
Quando não é tempo de flores e Colorido não acha seu alimento preferido, ele come moscas, aranhas e formigas.
No final do dia, Colorido já está de volta à sua árvore, unind0-se aos demais pássaros para cantar.
Vocês sabem porque os pássaros cantam todas as manhãs, todas as tardes e muitas vezes durante o dia? Porque agradecem a Deus pelo Seu cuidado.
Jesus falou sobre os passarinhos como Colorido, e disse: “Vejam os passarinhos que voam pelo céu: eles não semeiam, não colhem, nem guardam comida em depósitos . No entanto, o Pai de vocês, que está no céu, dá de comer a eles. Será que vocês não valem muito mais do que os passarinhos?”(Mateus 6:26 BLH)
E vocês já agradeceram hoje a Jesus pelo cuidado? Estamos vivos hoje, porque Jesus nos deu vida. Estamos felizes e sorrindo porque não estamos doentes. Não estamos doentes porque Jesus nos deu saúde.
Temos uma casa, um pai e uma mãe, alguns têm irmãos, outros têm irmã. Temos a nossa igreja, nossos amigos e a nossa comidinha a cada dia.
Jesus cuida dos passarinhos bem pequeninos como o Colorido e se Jesus Se preocupa com um passarinho tão pequenino, você acha que Ele vai deixar de cuidar de você? Nunca!
Então vamos fazer como Colorido e os demais passarinhos, vamos louvar a Jesus todos os dias, várias vezes durante o dia. Agora vamos cantar louvando a Deus através da música: “Os passarinhos voam, voam, voam. Os passarinhos voam. Dizem “Deus é amor.”



sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Adoração Infantil! Formigas Trabalhadoras!!!



Baseado em Provérbios 6:6-8
(Levar gravuras de formigas ou levá-las dentro de um vidro)
Na sua casa tem formigas? (Permita respostas)
Mesmo que onde você mora não tenha formigas, você já viu algumas delas. Elas aparecem bem depressa na mesa ou na pia da cozinha , quando encontram alguma coisa doce, como: suco, pudim, pirulito, etc. Com certeza, você já viu uma carreira de formigas caminhando no jardim ou em qualquer gramado.
A formiga de nossa história poderia chamar-se __________ (permita resposta), uma formiguinha operária. Vamos chamá-la de Fifi.
Fifi estava sempre muito ocupada. Todos os dias, na primavera, no verão e no outono ela acordava bem cedinho e saía a procura de alimento para armazenar na despensa do formigueiro.
Quando ela encontrava semente, restos de vegetais ou outros alimentos, avisava às demais formigas operárias, assim como Fifi, onde estavam estes alimentos, e todas iam correndo para aquele lugar e busca de comida.
Elas usavam suas antenas para descobrir onde estava o alimento, porque é assim que sentem o cheiro. Hummm, que cheirinho de folhas verdinhas!
Ao encontrar a folha ou outros alimentos , a formiga coloca-os sobre suas costas e caminha vagarosamente até ao formigueiro. Ele é bem pequena e mede só um centímetro (mostrar um centímetro, através de um risco grosso numa folha de papel branco) mas é um animalzinho muito forte. Ela não desanima quando vê um pedaço grande de pão ou uma folha bem maior que ela, pois ergue com dificuldade o alimento muito maior que o seu tamanho e vai caminhando “suando” até o formigueiro.
Lá no formigueiro onde Fifi vive, moram outras formigas que não são operárias como ela, estas são formigas que trabalham dentro do formigueiro,cuidando das formiguinhas bebê.
Fifi é amiga das outras formigas, as chamadas sentinelas que são as guardiãs ou seguranças. As formigas sentinelas cuidam para que nenhum intruso entre no formigueiro.
Um dia Fifi viu um menino correndo pelo gramado. Ela viu quando o menino pisou bem em cima da porta do formigueiro, e viu que as formigas sentinelas correram até o pé do menino e começaram a picá-lo.
Ele ouviu o menino gritando e coçando seu pezinho. E também o viu sair correndo e foi brincar bem longe dali.
Fifi viu que as pobres formigas sentinelas tiveram muito trabalho para arrumar de novo a entrada de sua casa que ficara destruída!
É por isso que as formigas sentinelas soltam um líquido ácido quando picam, para espantar os intrusos.
Todas as formigas do formigueiro são filhas da formiga rainha que no dia do seu casamento botou mais ovinhos.
Fifi se sente segura em seu formigueiro, porque ali é um lugar onde todas as formigas trabalham. Não há espaço para ninguém preguiçoso, por isso, quando chove ou quando chega o inverno e não se acha nada verdinho para comer, há muita comida gostosa guardada no formigueiro e então, todas as formigas podem descansar e comer.
Acho que o rei Salomão alguma tatatatatatatatatataravó de dona Fifi. E Salomão ficou observando como as formigas são trabalhadoras. Por isso, ele escreveu: “Preguiçosos aprendam uma lição com as formigas!” (Provérbios 6:6 BLH)
Por isso criança, se você tem preguiça de ajudar a mamãe, se você não gosta de arrumar sua cama, de guardar seus brinquedos, lembre-se de Fifi e seu formigueiro. Pense como Deus foi sábio ao criar as formigas também para nos ensinar a sermos trabalhadores, assim como elas!
Vamos orar pedindo a Jesus que nos ajude a sermos formiguinhas trabalhadoras como Fifi.


sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Adoração Infantil! As corças procuram pelas águas!


Baseado no Salmo 42:1
(Levar uma gravura ou um veadinho de material concreto)
Quem já foi a um Jardim Zoológico e viu uma corça ou um veadinho?
A corça é um animalzinho pequeno que mede mais ou menos um metro de altura (mostrar o tamanho). A corça pesa entre 18 e 29 quilos. Isto quer dizer que o ______________ (nome da criança) é mais leve que uma corça. Que nome podemos dar-lhe? Vamos chamá-la de Veloz.
Ela era uma corça fêmea, por isso não tinha chifres. Já seu pai e seus irmãos tinham chifres em forma de galhos pontiagudos. Quando eles brigam, sempre acabam se machucando. No outono, os chifres caem, mas tornam a crescer na primavera.
Veloz, como todas as corças era um animalzinho arisco e medroso e vivia sozinha agora que havia crescido.
Todos os dias, Veloz acordava assim que o sol nascia e já saía à procura de alimento. Comia folhas, brotos, cascas de árvores e plantas cultivadas. Por isso, quando ouvia algum ruído enquanto estava comendo, ela saía correndo e saltando muito alto.
Um dia, fazia bastante calor e Veloz estava com muita sede, pois caminhava por um lugar seco, já que os veados estão sempre se mudando de um lugar para o outro.
Veloz começou a levantar o focinho, pois toda corça consegue sentir o cheiro da água, mesmo a quilômetros de distância. Ela cheirava o ar e depois cheirava a terra. Se houvesse água, ainda que embaixo da terra, ela a encontraria
Em sua sede, a pequena corça começa a correr desesperada gritando, saltando, buscando e farejando. Até que finalmente ela descobriu onde havia um pequeno riacho.
Ali, ela mergulhou seu focinho e começou a beber água, muita água!
Como é gostoso beber água quando se tem sede! Como é gostoso molhar a cabeça, os pés e os braços na água fresquinha!
Um dia, Davi, o pastorzinho de ovelhas, estava observando uma corça como Veloz e ele cantou docemente assim: “como suspira a corça pelas correntes das águas , assim, por Ti, ó Deus, suspira a minha alma.”Salmo 42:1
Sabe o que as corças ensinaram para o pastorzinho Davi? Que devemos procurar a Deus com toda a vontade , assim como a corça Veloz busca desesperada a água, gritando, saltando e farejando.
Vocês decidem assim com tanta determinação ir à igreja? Estudar a lição da Escola Sabatina? Participar dos cultos em casa? Oram?
Se nós buscarmos a Deus com tanto desejo, como a corça buscava água, vamos achá-Lo e seremos muito mais felizes na sua companhia. Oremos a Jesus pedindo que nos faça sentir mais desejo de ouvi-Lo e falar sobre Ele.

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Turminha do Apocalipse em Lajeado - Cotia


Venha participar do Projeto Evangelístico "Turminha do Apocalipse"
De: 08 à 14 de Novembro - às 19:30

R. Guimarães Rosa, 289 - Ch. Vista Alegre - Cotia





ESPERO POR VOCÊ LÁ!!!!!